Facebook: actualizações? Há que experimentar todos os tipos

facebook-like

O Facebook adora actualizações (posts) com fotografias, dizem uns. Os posts só com texto não são realmente bons porque ficam ‘perdidos’ na torrente do feed de notícias, acrescentam outros.

É preciso ter cuidado com os links. O Facebook não gosta de links. Porquê? Porque ‘convidam’ os utilizadores a sair da rede social para visitar outros locais. E o Facebook não aprecia esses comportamentos. Tal como os pais protegem as suas crianças de partirem à aventura numa tarde de sábado primaveril. De alguma forma, temem que eles, os utilizadores, não regressem.

Bom, tudo isto é verdade. E o seu contrário também.

Há alguns meses o Facebook mudou a sua estratégia. Mais uma vez. Não foi a primeiro. E não será a última. Deve esperar mudanças de vez em quando. É assim que o Facebook funciona e, enfim, temos de aceitar. É uma rede social mas é também um negócio e uma empresa cotada na bolsa. Parece que tem a ver com dinheiro.

A verdade é que não há um post perfeito no Facebook. Por isso, o melhor é tentar tudo. Produzir todos os tipos de actualizações diferentes: só texto, texto com fotografia, texto com links externos, textos com links para outros conteúdos dentro do Facebook e, talvez, mas apenas de vez em quando, uma foto simples, sem texto a acompanhar. Ah, e posts com vídeo. Prefira vídeos curtos, porque as pessoas, por norma, tendem a não ver vídeos longos.

A chave é tentar. Verifique o que melhor corresponde para si e a sua empresa. E quando encontrar esse ‘melhor’ para o seu caso, reinicie esse processo de descoberta de novo, porque, entretanto, o Facebook mudou. De novo e outra vez.

José Freitas

José Freitas

Ajudo pequenas e médias empresas e empreendedores a criar estratégias online para conseguirem melhores clientes, através da comunicação relacional. Na minha vida passada fui jornalista durante 25 anos. A comunicação é a minha praia. Viciado em café intenso e aromático.

Queres receber as nossas mensagens semanais o teu email?

As nossas mensagens são compostas por pequenos textos escritos a pensar em ti (sim a sério, a pensar em ti).

Não enviamos SPAM porque também não gostamos de o receber.