Força: use hashtags. Mas sem exageros

Hashtags

Há quem diga que as hashtags estão a ensaiar o seu canto do cisne. Não sabemos, com rigor, se assim será. Talvez sim, talvez não. O que sabemos é que estão aqui e são uma presença na nossa vida digital. Na actualidade e no futuro próximo.
Logo, porque não usa-las? Podem ser úteis e divertidas.

As hashtags não são novas mas ganharam popularidade no Twitter e fizeram o seu caminho para outras redes sociais, incluindo o Facebook. A maior rede social do mundo resistiu durante algum tempo mas em Junho de 2013 acabou por introduzir esta função, também usada no Pinterest, Instagram e Google+.

Usar hashtags é uma forma, se usada com estratégia, de criar popularidade em relação a um tópico ou marca. É uma forma de encontrar pessoas e conversas relevantes sobre um assunto, tentando incrementar o envolvimento de outras pessoas.

Com hashtags pode:

  • Obter informação
  • Melhorar a reputação
  • Ganhar seguidores

Como em tudo, também deve usar hashtags de forma sensata. Podem ser positivas e gerar bons resultados quando usadas correctamente mas também podem ser negativas quando mal ou excessivamente usadas.

Não as use

  • Quando são muito longas
  • Quando são obscuras
  • Quando não são óbvias
  • Quando são demasiadas num só post

Use

  • Quando são simples
  • Quando estão dentro do contexto
  • Quando usa uma ou duas num só post
  • Crie as suas
José Freitas

José Freitas

Jornalista de profissão, aficionado do WordPress em projectos pessoais e colaborativos. Cinema, música, tecnologia, fotografia e mais umas coisas. De vez em quando assobia e alguma coisa acontece.

Queres receber as nossas mensagens semanais o teu email?

As nossas mensagens são compostas por pequenos textos escritos a pensar em ti (sim a sério, a pensar em ti).

Não enviamos SPAM porque também não gostamos de o receber.