Porque deves ter uma política de comentários no teu website

Implementa uma política de comentários no teu site

Foi de repente. Juro. Numa questão de dez minutos. Foram muitos, diversos e até originais os insultos que me foram dirigidos por causa de um pequeno texto publicado num blog sobre política no qual colaborava.

Já tinha mais de 300 publicações em cerca de dois anos de actividade e nada me tinha preparado para a enxurrada de comentários. Uns de apoio e concordância, outros de contestação e, enfim, aqueles dedicados à ofensa. Eram em pequeno número mas muito bem artilhados de impropérios. Dois deles eram novidade. Nunca os tinha ouvido.

Foram mais de duas horas investidas a escrutinar tudo. Ler, responder, ignorar e decidir o que fazer com aqueles de conteúdo imbecil. A bem do blog decidi elimina-los e fechar os comentários naquele artigo, acrescentando um post scriptum no final do texto.

Ah, os comentários…

Outrora símbolos de uma Internet livre, aberta, dinâmica, democrática e onde qualquer debate tinha lugar, os comentários são, cada vez mais, relegados para um plano secundário na maior parte dos sites. Se é que ainda se encontram activos.

A absurda quantidade de spam e, sobretudo, o número crescente de ‘trolls’ transportando a sua insana mediocridade, tornaram a secção de comentários de qualquer site respeitável num lugar muito mal frequentado.

Que o digam muitos órgãos de comunicação social, cujas áreas de comentários se transformaram num lodaçal de gigantescas proporções.

Na Kaksi Media decidimos, desde a primeira hora, não abrir essa área. Foi uma opção consciente.

Sabemos que não é um caminho que outros sites possam seguir de ânimo leve. Afinal, por entre outros motivos, há a preocupação pelos números. Os comentários e as respectivas respostas podem levar os comentadores a repetidas visitas ao site e isso significa um incremento do número de páginas vistas.

Aplica regras nos comentários

Entretanto, se a tua opção é manter esta secção activa, pelo menos, implementa uma política de comentários séria e faz com que se cumpra.

  • Informa os utilizadores do teu site sobre as regras que devem seguir para poderem comentar
  • Comunica, de forma simples e directa, como lidas com os comentários, em que condições os poderás não aprovar ou eliminar
  • Salienta o tipo de mensagem que será, com toda a certeza, eliminada (por exemplo, contendo linguagem insultuosa)
  • Aplica esta política de forma consistente e não discriminatória
  • Indica como tencionas proceder quando um comentário estiver numa linha cinzenta, entre aquilo que achas que podes aprovar ou deves eliminar
  • Convém lembrar que o teu website, como todas as publicações, tem de respeitar a Constituição e as leis do país onde está instalado

A política de comentários deve estar disponível de forma permanente no website e numa área bem visível. Se puderes faz com que seja necessário o comentador marcar uma caixa a indicar que leu e conhece a política de comentários.

José Freitas

José Freitas

Jornalista de profissão, aficionado do WordPress em projectos pessoais e colaborativos. Cinema, música, tecnologia, fotografia e mais umas coisas. De vez em quando assobia e alguma coisa acontece.

Queres receber as nossas mensagens semanais o teu email?

As nossas mensagens são compostas por pequenos textos escritos a pensar em ti (sim a sério, a pensar em ti).

Não enviamos SPAM porque também não gostamos de o receber.