Porque temos os comentários fechados no blog da Kaksimedia

comentarios

“Então vocês têm os comentários fechados no vosso blog?”

“Temos.”

“Queria reagir aquele artigo da preparação para as lojas online e não consegui. Mas então vocês não defendem a necessidade de fazer o envolvimento com os leitores?”

“Sim, defendemos.”

“Mas, então porque fecharam os comentários?”

“O nosso blog tem, sobretudo, dois objectivos:

  1. Apresentar algumas das nossas opiniões e ideias.
  2. Partilhar alguns dos nossos conhecimentos.

Se alguém quiser partilhar algo connosco acerca daquilo que publicamos pode faze-lo através do Facebook, onde partilhamos os artigos, Twitter, Google+, responder por email ou mesmo pedir para publicar um artigo nosso blog. Se o artigo tiver pertinência nós publicamos. Algumas das coisas que publicamos não são para serem discutidas. Outras são e estamos abertos a essa discussão”.

“Mas uma coisa é comentar na página do blog, outra é faze-lo no Facebook.”

“Claro que sim, por isso é que se o comentário tiver pertinência nós podemos publica-lo no nosso blog. É melhor do que aparecer como um simples comentário, tem maior destaque.”

“Mas ninguém vai perder tempo a fazer isso.”

“Então talvez não valha a pena ´perderem tempo’ a comentar na página do artigo.”

“Não é bem a mesma coisa.”

“Pois não. Mas é por poderem ‘perder tempo’ a fazer comentários, com aspas, que muitos blogs e sites de jornais estão cheios de ‘comentários de qualidade’.”

“Há gente para tudo.”

“Claro que sim. É por isso que, quem quiser, pode comentar os nossos artigos no Facebook, no Twitter, via email…”

“Mas assim estão a perder o tal envolvimento”.

“Não, podemos perder o envolvimento de algumas pessoas, mas não de outras. E são estas as que nos interessam.”

“Mas vai ser assim sempre?”

“Não sei. Para já é assim e não temos intenções de mudar. Mas talvez um dia mudemos de opinião. Se acontecer, abrimos os comentários. Pode ser que alguém nos dê uma boa razão para o fazer.”

José Freitas

José Freitas

Ajudo pequenas e médias empresas e empreendedores a criar estratégias online para conseguirem melhores clientes, através da comunicação relacional. Na minha vida passada fui jornalista durante 25 anos. A comunicação é a minha praia. Viciado em café intenso e aromático.

Queres receber as nossas mensagens semanais o teu email?

As nossas mensagens são compostas por pequenos textos escritos a pensar em ti (sim a sério, a pensar em ti).

Não enviamos SPAM porque também não gostamos de o receber.